Personal Organizer é um profissional que atua ajudando outras pessoas a se organizarem. Apesar de ser um trabalho bastante focado na organização dos ambientes (organização da casa, por exemplo), o Personal Organizer também trabalha em outras frentes de organização, como gestão do tempo, organização de mudanças, organização de arquivos, escritórios, chegada do bebê, foco em idosos e muitas outras.

Eu nunca tinha ouvido falar no termo até efetivamente começar a me interessar pelo assunto de organização profissional. Quando criei o blog Vida Organizada, em 2006, eu o fiz para compartilhar dicas de organização e produtividade que vinha implementando na minha vida e que estavam dando muito certo. Me descobri apaixonada pelo assunto, e só depois de algumas pesquisas eu encontrei esse termo e descobri que era uma profissão. Mas foi somente em 2012, em um dos meus períodos de férias no emprego que eu tinha, que eu resolvi tirar a minha primeira certificação.

A certificação foi tirada na OZ – Organize sua vida, que até hoje é referência no mercado aqui no Brasil. Tirei a certificação principal, que é a de Personal Organizer, foco Home (casa). Foi ótimo, porque me deu uma visão mais profissional do meu negócio como um todo. Naquele mesmo ano, eu estava concluindo a minha pós-graduação em Gestão da Comunicação em Mídias Digitais (para quem não sabe, minha formação na faculdade é em Publicidade) e o projeto de conclusão foi a profissionalização do meu blog (Vida Organizada). Tirei a certificação, fiz os laboratórios e atuei informalmente na área. Como eu tinha outra profissão, não exerci o trabalho de Personal Organizer em tempo integral imediatamente.

Em 2014, tirei uma nova certificação, também pela OZ, desta vez com foco em Office (escritório). 2014 foi o ano em que pedi demissão do meu último emprego para virar empreendedora. Em agosto, lancei meu primeiro livro (“Vida Organizada”, Ed. Gente) e, desde então, as coisas começaram a acontecer. Foi quando eu comecei a trabalhar exclusivamente como Personal Organizer, e meu foco era não apenas a organização de ambientes, mas a organização da vida da pessoa como um todo. Minha área de atuação inicial foi a de ensino (cursos, workshops, palestras) e na escrita (com o blog e o livro). Realizava atendimentos residenciais e presenciais, mas não era o foco do meu trabalho.

Em 2015, tive a oportunidade de ir para a Holanda tirar duas certificações importantes de GTD (Getting Things Done, um método de produtividade), que me permitiu trabalhar bastante com isso na área de cursos mesmo (que me identifico mais) e me tornar a única Master Trainer da metodologia no Brasil (Master Trainer é o profissional responsável pela capacitação de outros professores da metodologia).

Em 2016, investi em uma nova certificação para me profissionalizar mais, que foi a certificação de Personal & Professional Coaching na Sociedade Brasileira de Coaching. Também publiquei, em agosto, meu segundo livro (“Casa Organizada”, Ed. Gente). Ambas coisas me permitiram investir tempo em um trabalho mais próximo das pessoas, não só através da realização de cursos, mas voltando a realizar atendimentos presenciais e residenciais no formato de consultoria, sem deixar de lado a produção de conteúdo e a escrita, que sempre foram os meus pontos fortes.

Em 2017, iniciei a certificação de Coaching GTD, que será concluída em 2018, quando também tirarei a terceira (e última) certificação do método GTD, novamente na Holanda.

Todas essas certificações foram muito importantes porque solidificaram minha atuação. Me deram embasamento para todas as atividades profissionais que eu realizava (e ainda realizo). Acho muito importante sempre investir em capacitação e gosto do planejamento de tirar uma certificação por ano ou realizar uma formação depois da outra. Em 2018, iniciarei meu mestrado (também na área de Comunicação, porém fazendo um link com o meu trabalho hoje), pois me aprimorar como professora é uma das minhas prioridades.

Hoje meu trabalho como Personal Organizer se resume à escrita e ao ensino. Quando falo ensino, me refiro também a atendimentos residenciais e individuais, porque não se trata apenas de uma prestação de serviço, mas de um trabalho de educação mesmo – de ensinar a pessoa a ser mais organizada, a ter uma casa, uma rotina organizada e fluida. A pessoa tem um papel ativo nesse processo.

Claro que este é apenas o meu recorte como Personal Organizer. Existem outros no mercado. Há profissionais que prestam serviços diversos, alguns até sem o envolvimento do cliente, e isso não quer dizer que seja mais certo ou errado que outras áreas de atuação. Existem necessidades a serem supridas por todos os tipos de profissionais e clientes que preferem uma coisa à outra.

Esse trabalho de educação e conscientização se estende à produção de conteúdo – o que faço através dos meus blogs, dos livros, dos canais no YouTube, porque acredito que essa interação seja uma excelente forma de aprendizado, que depende de quem está assistindo.

Hoje tenho quatro canais em que produzo conteúdo e onde você pode me encontrar, cada um com um foco específico:

Talvez você possa se interessar em saber qual é o propósito deste blog.

5 COMMENTS

  1. Eu quero fazer o curso básico da OZ e o de Arquivismo também seria um prazer fazer. Mas, meu coração está em tirar as três certificações do GTD.

  2. Olá, Thais! Tudo bem?

    Sou uma apaixonada pelo assunto organização e venho seguindo seus blogs há algum tempo!
    Seus vídeos e posts estão ótimos!
    Agora para o próximo ano estou disposta a tornar minha vida um pouco mais organizada.

    Parabéns, abraços!

  3. Olá, Thais! Estou me decidindo sobre certificaçao em Coaching, e na dúvida por haver tantas formações. Você recomenda o da SBC?
    Em breve pretendo realizar a formação de GTD também, acabei me encantando pela metodologia por influência do blog!

  4. Olá boa tarde!
    Descobri a profissão de Organizadora Pessoal recentemente, aqui em Portugal.
    Não tenho qualquer referência portuguesa, nem onde investir em formação.
    Apenas me interesso pelo assunto ao ponto de estar a ponderar investir nele profissionalmente.
    O que fazer? Há algum curso on line de referência por onde poderei começar?
    Obrigada.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here